INTOLERÂNCIA RELIGIOSA

"Errando, falando demais e sendo até processada eu ganhei R$ 1,5 milhão", diz Paula sobre processo

Apesar de ter ficado um pouco assustada com a repercussão de suas declarações, a mineira afirmou que está preparada para encarar as consequências de seus atos

Reprodução/Gshow
Paula afirma que vai encarar processos por intolerância religiosa.

Vencedora do Big Brother Brasil 19 (BBB19), Paula Von Sperling concedeu sua primeira entrevista coletiva. Na madrugada deste sábado, 13, a mineira comentou sobre a possibilidade de ser processada por suas falas racistas dentro da casa. Apesar de ter ficado um pouco assustada com a repercussão de suas declarações, ela afirma que está preparada para encarar as consequências de seus atos.

"Eu falo demais e com certeza esse é um dos meus maiores defeitos. Falar demais foi muito ruim pra mim no jogo, mas também teve seu lado positivo porque as pessoas viram o quanto eu fui verdadeira. Não medi minhas palavras e teve gente que mediu, teve gente que se segurou. Errando, falando demais e sendo até processada eu ganhei R$ 1,5 milhão e eu vou encarar tudo", disse.

Na entrevista, a loira também afirmou que achou a 19ª edição do reality show bem chata no início e, mesmo afirmando que o clima dentro da casa era de "amor e amizade", Paula não deixou de protagonizar um mal-estar com os ex-colegas de confinamento. Em festa da final do BBB19, os integrantes do "Grupo de Gaiola" mostraram desconforto com a chegada da vencedora e deixaram o evento logo em seguida. (O Povo - é parceiro de oxereta.com)