FORTALEZA

Homem é condenado a 19 anos de prisão por matar ex-companheira estrangulada em Fortaleza

Segundo a denúncia, ele teria estrangulado a ex-namorada com as próprias mãos. O homem foi preso dias após o assassinato em função de mandado em aberto por roubo. Só depois se soube que ele era suspeito do feminicídio. Crime aconteceu há mais de um ano, no bairro Padre Andrade

Julio Caesar - O Povo
Decisão foi do Conselho de Sentença da 3ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Fortaleza

Frank Júnior Sousa da Silva foi sentenciado à pena de 19 anos de prisão por crime de feminicídio cometido em 3 de fevereiro de 2018. O homem foi condenado por matar a ex-companheira, Jaqueline dos Santos Silva, estrangulada, no bairro Padre Andrade, em Fortaleza. A decisão foi do Conselho de Sentença da 3ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Fortaleza. A pena será cumprida inicialmente em regime fechado.

O relacionamento de quatro anos que o autor do homicídio mantinha com a vítima já tinha acabado quando ele chamou a mulher para sua casa. De acordo com o inquérito, Jaqueline terminou a relação amorosa pelos ciúmes e jeito agressivo de Frank. No dia do crime, os dois já não estavam mais juntos, mas marcaram uma conversa. No entanto, conforme a denúncia, o homem percebeu que havia uma peça de roupa íntima na bolsa da mulher e se tornou agressivo, indo em direção à vítima.

Conforme a denúncia, depois de perceber que Jaqueline já não respirava mais após o estrangulamento, Frank fugiu da casa e deixou o corpo da mulher no local. A filha da vítima de 15 anos foi quem encontrou o corpo da mãe depois de saber que ela tinha ido ao encontro de Frank. A mulher ainda foi socorrida para o Hospital Frotinha, mas já estava morta.

Frank foi preso dias depois do crime por outro motivo, pois existia um mandado de prisão contra ele por roubo, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) à época. Só depois de se apresentar no 10º Distrito Policial foi que a Polícia descobriu que ele era suspeito de matar a companheira. (O Povo - é parceiro de oxereta.com)