BEBERIBE

Quadrilha comandada por mãe e filho é presa com arsenal quando planejava homicídio em Beberibe

O filho seria o chefe do grupo e a mãe seria a gerente do dinheiro do tráfico

DIVULGAÇÃO/POLÍCIA CIVIL
Investigações foram feitas pela Delegacia Regional de Aracati, Delegacia Municipal de Beberibe, Departamento de Polícia do Interior Sul (DPI-Sul) e da Coordenadoria de Inteligência da SSPDS

Cinco pessoas foram presas com um arsenal no município de Beberibe, litoral leste do Ceará. Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o grupó se preparava para cometer homicídio contra um desafeto.

Investigações da Polícia Civil levaram ao suspeito de ser chefe do grupo, Guilherme Faustino de Lima Sousa, 22 anos, conhecido como "Alemão". Ele possui antecedentes criminais por tráfico de drogas e crime contra a administração pública.

Foram presos ainda a mãe dele, identificada como Maria Luzia Faustino de Lima, 39 anos, apontada como responsável por gerenciar o dinheiro do tráfico de drogas.

Os demais presos foram Genivaldo Alves de Souza, 36 anos, conhecido com o "Cicatriz", com passagens por roubo, furto e violência doméstica; Francisco John Kennedy dos Santos Honório, 21 anos; e Vaniadria da Silva Monteiro, 19 anos - os dois últimos sem antecedentes criminais. (O Povo - é parceiro de oxereta.com)



Nas buscas em quatro residências pertencentes à quadrilha foram apreendidos:


- Três resolveres calibres 38, 32 e 22

- Uma pistola calibre 9 mm

- Duas espingardas calibres 32 e 22

- Dez munições de calibres diversos

- Uma carabina de pressão

- 105 gramas de cocaína

- 94 gramas de maconha

- Celulares

- Dinheiro

- Uma balança de precisão

As investigações foram realizadas pela Delegacia Regional de Aracati, Delegacia Municipal de Beberibe, Departamento de Polícia do Interior Sul (DPI-Sul) e da Coordenadoria de Inteligência da Secretaria da SSPDS.

Durante a operação, nessa sexta-feira, 1º, para as prisões e apreensões, o cerco aos imóveis usados pela quadrilha foi realizado com o apoio de policiais militares do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) da Polícia Militar do Ceará (PMCE).

Os presos foram levados à Delegacia Regional de Aracati, onde foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico, por integrar organização criminosa e por posse ilegal de arma de fogo.

As informações são da SSPDS