TURISMO

Cruzeiro com 1.210 turistas atraca no Terminal Marítimo de Fortaleza

Depois da parada, o cruzeiro segue para Recife e finaliza o cronograma no Rio de Janeiro, em 12 de fevereiro

Thais Mesquita/O POVO
Cruzeiro vindo da Florida chegou no Terminal Maritmo de Fortaleza na manhã dessa sexta-feira

O cruzeiro marítimo de luxo, Oceania Marina, atracou nesta sexta-feira, 7, no Terminal Marítimo de Fortaleza. Com 10 espaços gastronômicos e uma escola de cozinha, o navio reúne diversas atrações como cassino, piscinas, bares, spa e biblioteca com mais de mil títulos. A bordo estão 1.210 turistas e mais 760 tripulantes de vários países.

O roteiro teve início em 22 de janeiro em Miami, nos Estados Unidos, e contemplou as ilhas caribenhas até atracar em Fortaleza. Depois da parada, o cruzeiro segue para Recife e finaliza o cronograma no Rio de Janeiro, em 12 de fevereiro.

Os espaços do navio foram projetados com inspiração em estabelecimentos luxuosos como o Mondrian Hotel de Miami e o Palm Court no Plaza Hotel de Nova York, ambos com 5 estrelas. Construído em 2011, ele tem 238 metros de comprimento por 32 metros de altura, além de 629 cabines.

O cruzeiro é mais um que passa nesta temporada, que deve receber mais cinco navios de passageiros. O final desta temporada acontece próximo à realização da concessão do Terminal Marítimo de Passageiros, no próximo dia 27 de março.

Embarcados desde Miami, os brasileiros Gilmar Villain, 60, e Rose Villain, 55, ambos agentes de viagens e experientes em cruzeiros, escolheram o Marina para as férias. "Viajar de cruzeiro é sempre uma experiencia fantástica, além da segurança e a tranquilidade, esse roteiro é especial. Tivemos diversas atividades, shows e informativos de cada parada e portos que estivemos", conta eles.

A chegada faz parte de uma iniciativa para atrair mais passageiros e colocar Fortaleza na rota de cruzeiros. O diretor da Infraestrutura da Companhia Docas, Miguel Andrade, celebra o resultado."Desde o ano passado, toda a companhia se estruturou para receber as pessoas que vêm em navios de passageiros. Foi formado um grupo de trabalho com diversos órgãos para garantir a melhor infraestrutura possível para que levem a melhor experiência de Fortaleza", afirma ele.

Um dos pontos que o diretor ressalta é a participação econômica com a presença de navios de grande porte no terminal. "Nós esperamos que eles venham muito, porque são centenas de turistas que incrementam a economia e geram desenvolvimento", acrescenta.

Um dos que tenta aproveitar esse fator é o taxista Paulo Roberto, 50. Esperando a saída dos turistas, ele relata a expectativa de ganhar uma renda maior. "Nós recebemos um recado sobre a chegada e viemos para o porto, mesmo com a grande concorrência de vans e ônibus", conta ele. ( O Povo - é parceiro de oxereta.com)