LANÇAMENTO

Rapper cearense Matuê quebra recorde de melhor estreia de álbum no Spotify Brasil; conheça o cantor

Novo material do cantor teve 4,6 milhões de streams na plataforma e quebrou recorde de Anitta

Reprodução Instagram
Matuê é natural de Fortaleza, no Ceará, mas foi criado em Oakland, na Califórnia (EUA)

O novo álbum do rapper cearense Matuê quebrou o recorde de melhor estreia na versão brasileira da plataforma de música Spotify. O disco “Máquina do Tempo”, lançado de surpresa na noite desta quinta-feira, 10, alcançou a marca de 4,6 milhões de reproduções nas primeiras 24 horas da plataforma, quebrando o recorde da cantora Anitta, que fez 4,2 milhões com o disco “Kisses” em 2019.

O álbum conta com sete faixas e também fez bastante sucesso em outras plataformas de áudio, como o YouTube, onde registrou mais de 16 milhões de reproduções somente no primeiro dia de lançamento. No Spotify, o artista também conseguiu emplacar todas as sete músicas no Top 10 de músicas mais tocadas da plataforma, com destaque para a faixa título do CD com 897 mil reproduções.

Conheça o rapper

Popularmente conhecido como Matuê, Matheus Brasileiro é natural de Fortaleza, no Ceará, mas foi criado na cidade de Oakland, na Califórnia (EUA). O artista ficou conhecido no cenário do trap – subgênero do rap – após lançar a faixa “R B N”, em 2016, mas alcançou fama nacional com a música “Kenny G”, em 2019. No YouTube, a gravação já soma 130 milhões de visualizações.

Na música “É Sal”, presente em seu mais recente trabalho, o cantor faz diversas referências à Fortaleza em suas rimas. O rapper menciona o bairro Pirambu, a praia do Titanzinho e diz que “Fortal City é uma mistura” na letra, além de também cantar gírias populares na Cidade, como “É sal” e “Cumadis”.

Matuê é um dos principais expoentes do trap no Brasil e já possui mais de 2,8 milhões de seguidores no Instagram, além dos 2,6 milhões de ouvintes mensais no Spotify. Confira o vídeo na TV XERETA.  (O Povo - é parceiro de oxereta.com)