TURISMO

Ceará chega a 85,7% de ocupação hoteleira nos principais destinos

No entanto, Fortaleza tem sido mais impactada na pandemia e chega a 35,71%. Os dados são da Secretaria do Turismo do Estado, desta quinta-feira, 3 de setembro

Thaís Mesquita - O Povo
Turismo em Fortaleza segue lento e ocupação dos hotéis para o feriadão é pequena.

Antes mesmo do primeiro feriadão nacional de Sete de Setembro, após a reabertura gradual do turismo cearense, o índice de ocupação hoteleira alcança os 85,7% no Ceará nos principais destinos turísticos. Os dados são da Secretaria do Turismo do Estado (Setur), desta quinta-feira, 3 de setembro.

Apenas em Fortaleza o índice de ocupação ainda está baixo. Mais impactada pela pandemia, a ocupação alcança somente os 35,7%. Já Flecheiras/ Mundaú, os hotéis, pousadas e flats estão lotados (100%), em seguida vem Jijoca de Jericoacoara, com 97,5%, e o Cumbuco, com 91,4%.

Para o titular da Setur, Arialdo Pinho, a expectativa para a retomada do turismo é boa, pois destinos de praia estão sendo bastante procurados, já que as viagens internacionais estão praticamente paradas. Apenas a TAP opera no Aeroporto de Fortaleza, com duas viagens semanais para Lisboa. Antes a companhia aérea realizava voos diários. "Somente Fortaleza, que é cidade grande, que está sofrendo mais com a queda na ocupação", complementa.

As informações foram divulgadas com exclusividade na live Conexão Nordeste, que reúne jornalistas do O POVO, Correio e Jornal do Commercio. Veja na íntegra na TV XERETA, logo baixo. (O Povo - é parceiro de oxereta.com)