TECNOLOGIA

Conheça o CyberDog, o cão-robô da Xiaomi

Cerca de mil unidades do CyberDog serão vendidas por R$ 8 mil para alguns fãs da Xiaomi, engenheiros e entusiastas da robótica

Divulgação/Xiaomi
CyberDog anunciado pela Xiaomi na última terça-feira, 10.

AXiaomi mostrou nessa quinta-feira, 14, seu primeiro cão-robô, o CyberDog, dispositivo considerando mais um avanço da empresa no segmento da robótica. Inicialmente, o modelo vai servir para desenvolvedores trabalharem em seu código-aberto. A empresa revelou um teaser do cachorro se movendo por um ambiente e fazendo até um mortal.

No momento, a empresa está construindo o modelo como uma vitrine para mostrar a capacidade da sua equipe de engenharia. Por isso, inicialmente, cerca de mil unidades do CyberDog serão vendidas por 9.999 yuans, o equivalente a R$ 8 mil em conversão direta, para alguns fãs da Xiaomi, engenheiros e entusiastas da robótica.

Segundo o portal TechTudo, ainda não se sabe se o valor do CyberDog se manterá o mesmo quando for lançado para o público geral.

De acordo com o site Mundo Conectado, o modelo vem com 11 sensores embutidos em sua estrutura física, contando também com um GPS, uma câmera com lente olho de peixe e câmera RealSense D450 da Intel, que ajudam nos movimentos por ambientes.

Com essas tecnologias, a gigante chinesa afirma que ele é capaz de se mover por ambientes evitando obstáculos. No vídeo, é possível ver o cachorro analisando uma coluna na sua frente. Segundo a Xiaomi, o seu novo dispositivo é capaz de trotar em uma velocidade de até 11.52 km/h e possui uma ótima agilidade.

Contudo, no vídeo a empresa não mostra o CyberDog correndo, mas é possível ver o cachorro da empresa fazendo um mortal de costas. O mais interessante sobre o novo cão-robô da Xiaomi é o fato dele ser feito com código aberto. A Xiaomi afirmou que os avanços nos recursos e habilidades serão feitos por ela junto com a comunidade, que poderão criar aplicativos personalizados para o robô e instalar eles no SSD de 128GB embutido nele.

O funcionamento do cachorro é com base na plataforma Jetson Xavier NX da NVIDIA, que é um dos menores supercomputadores de IA do mundo e tem a capacidade de processamento de 21 TOPS. Os usuários do CyberDog podem usar uma palavra de ativação através de assistentes de voz para comandá-lo. Outra opção para controlar o robô é usar o aplicativo para smartphone que o acompanha. (O Povo - é parceiro de oxereta.com)